Ajudar a si mesmo.

Grupo de Estudo Luz Divina, Textos

climb-1669121_960_720

 

 

“Nessas nossas prosas a gente vai se descobrindo, vai se aprimorando, vai dando uma ajustadinha aqui, uma ajustadinha ali…

Nós estamos numa jornada que sempre vai ter uns deslizes. A gente sempre vai ter uma quedinha. Quedinha! Não quedona! Quedona era quando a gente estava perdido.

Quando a gente não acreditava em nada ou acreditava demais e não conseguia porque esperava que alguma coisa aconteceria.

<<Ah! Eu acredito demais no Zé!>>

Fique esperando muito de mim. Se você não fizer nada, não vai acontecer nada! Fique esperando por mim, fique. Fica esperando e não faz a tua parte.

<<Ô! Mas você não ajuda?>>

Ajudo quem me ajuda: você me ajuda lá na hora que tem que acreditar que vai se superar. Aí eu fico forte com você. Fico forte por demais!

Agora, se você fica só esperando que eu faça e fica desanimado na hora de ter que ficar animado… Eu vou embora, deixo você lá sozinho. Deixo, mas eu deixo! Ou fico olhando só de longe: <<Mas não vai se animar, meu filho? Vai ficar assim mesmo? Então vou embora.>>

Faça por onde para eu fazer com você junto. Não fique lamentando, não fique achando que está pagando castigo não sei de onde.

<<É a crise.>>

Desde que eu estava aqui nessa terra já existia esse negócio. Faz tempo, hein! Só muda de jeito, só muda de tempo e de forma. A crise existe porque você precisa dela para se superar.

Comece a confiar em você, para de se preocupar.”

Zé do Coco – guardião espiritual

Canalizado por Jeferson Roz em 01/12/16.

A reunião completa com as canalizações pode ser ouvida no blog
grupodeestudolluzdivina.blogspot.com.br arquivada pela data.

O texto de transcrição foi editado e levemente alterado para melhor compreensão.

Faz parte também desta reunião o post:
“A prosperidade é energia.”

Transcrição e postagem Nilma Braga.

 

 

 

 

El Morya - Acreditar com o coração
Vó Benedita - O perdão.
Pai João - A energia é rápida.
A confiança de conseguir o que você merece.
A pessoa perfeita para você.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *