Exercício: O poder do coração ativo

Áudios, Exercícios, Grupo de Estudo Luz Divina, Textos

mãos em prece 2

 

 

 

 

“Eu vos saúdo,

Eu Sou Ramasananda.

Venho hoje trazer o poder do coração ativo. Práticas milenares envolvem cada ser que em estado de meditação e silêncio  da mente pode trazer dádivas e poderes existentes no ser jamais ativados.

Em meu tempo,  em meu templo, tive diversos discípulos porém a raça amarela tem em seus genes e a sua energia espiritual, a disciplina como a primeira ordem espiritual do ser.

 Muitos podem pensar que disciplina no Ocidente, nos tempos modernos, a cabeça é fundamental para isso.  Assim em minha origem se pratica os mantras, formas de concentração repetidas. Porém hoje venho com o intuito de dizer a importância da disciplina com vossas almas e fazermos uma respiração com o coração.

(Exercício)

Vamos  unir as palmas das mãos (como em prece na frente do peito) como referência e união do masculino e do feminino. Vamos levar a ponta da língua ao palato, ao céu da boca.

Vossas atenções devem estar totalmente em vossos corações. No primeiro momento a vossa respiração talvez esteja acelerada, ritmada porém ela precisa estar pausada e atenta a cada respiração. Vocês vão levar a atenção ao coração e a respiração acontece lá.

Por um momento vocês vão esquecer o funcionamento natural e fisiológico da respiração. Nós queremos que esse cardíaco expanda, cresça.  Tome forma da verdade que é.

O grande coração que cada um tem, deve ser maior que esse universo que a mente cria, muitas vezes ilusória.

A vossa mente deve obedecer totalmente a vossa alma, ao vosso  coração. Então ativemos. Trazemos vida com a nossa vontade e determinação.

Esse exercício deve ser feito 21 vezes com respirações profundas.

Então vamos respirar, encher o peito com a atenção ao seu coração e vamos ativar.

21 vezes. Atenção no coração. Usem o torácico para expandir.

 Inspira pela narina, mas atenção no coração. Língua no palato.

(respira profundamente 21 vezes)

 Agora apoiem as mãos sobre as coxas e relaxem.

Agora a atenção é nos dois hemisférios. Com o olhar virado para cima (olhos fechados), foquem o ponto entre as sobrancelhas, dois dedos acima (terceiro olho).  E contem 21 vezes  com atenção neste ponto.

Todos sabem  nós, hindus, usamos turbantes como um grande espiral. Muitos acham que  são vestimentas, porém representam a conexão com o Divino, com a Consciência Superior.

Então eu deixo em cada um de vocês, o meu turbante. Com uma grande pedra no centro do sagrado de cada um. E essa pedra é uma ametista de cor violeta para que proteja essa nova consciência.

E que sempre que tiverem um tempo para vossos  Espíritos,  para as Consciências Superiores vocês usem o meu turbante. Para que possam ainda melhor  canalizar as energias, fontes energéticas que vibram esperando uma canalização.

 Que vocês canalizem sabedoria, entendimento, visões de um presente e de um futuro ainda melhor.

Façam esse exercício quando o coração estiver apertado, angustiado e principalmente triste. E quando estiverem felizes, motivados façam ainda mais.

Para que milagres e dádivas venham a cada um de vocês, assim como merecem.

Fiquem na Luz.

Eu Sou Ramasananda.”

Canalizado por Jeferson Roz em 30-01-14.

Obs: Este exercício pode ser feito sentado no chão ou sentado em uma cadeira, mas de preferência no chão.

grupodeestudolluzdivina.blogspot.com.br

Facebook / Filhos da Luz Divina

Transcrição e postagem Nilma Braga.

 

 

Nós somos o que pensamos?
Pai Benedito - A sabedoria
Aivanhov - O Alinhamento dos Chakras.
Mestre Samir - A Energia da Abundância.
Pai João - A conexão com os Mestres da Luz.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *