Os Três Reis Magos.

Grande Fraternidade Branca, Textos

 

 

Os Três Reis Magos são importantes personagens da história do Natal. Mas o que os ensinamentos da Grande Fraternidade Branca dizem sobre Eles? Veja que interessante!

O Mestre El Morya era o rei Melchior. O Mestre Kuthumi era o rei Balthazar. E o Mestre Djwal Kul, também conhecido como o Mestre Tibetano, ou o “Tibetano”, era o rei Gaspar.

Os Três Reis eram reis-sacerdotes, estudiosos de astronomia e de conhecimentos secretos e vieram de regiões diferentes.

Eles viram uma estrela diferente no céu e sabiam que ela estava sinalizando a vinda de Jesus. Saíram então, seguindo a estrela, e se encontraram no caminho. A estrela parou sobre o lugar onde estava Jesus. Eles sabiam que sua busca estava finalizada. Prostraram-se e o adoraram. E ofereceram-lhe os presentes: ouro, incenso e mirra.

Os estudiosos explicam que, naqueles tempos, o ouro era um presente para um rei, o incenso, para um sacerdote, e a mirra, para um profeta. Melchior trouxe ouro, Balthazar trouxe incenso e Gaspar trouxe mirra.

A presença dos Três Reis Magos no nascimento de Jesus foi fundamental. Eles ancoraram em três lugares distintos do nosso planeta a Chama Trina, para sustentar o equilíbrio planetário para a vinda do Messias. Suas radiações espirituais elevadas foram importantes para o êxito da missão de Jesus. Quando Eles vieram do oriente, seguindo a estrela, não o fizeram apenas para homenagear Jesus, mas também para assegurar-lhe a âncora espiritual de que Ele tanto viria a precisar. Eles tinham pleno conhecimento de todas essas coisas!

Fonte: Instituto Aura Mater
www.auramater.com.br

 

 

 

Carmen - Exercício: O sentimento que realiza.
Mestre El Morya - A Transformação Verdadeira.
O. M. Aivanhov - Os maus instintos.
Os frutos da Mãe Terra.
A capacidade de refletir antes de acreditar no que dizem.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *