Osvaldo – Podemos ser melhores mesmo com as tentações da vida.

Áudios, Grupo de Estudo Luz Divina, Textos

podemos ser melhores mesmo com as tentações da vida

 


“Oxente! Salve, meu povo!

Não é quem vocês estão pensando não! Aqui é o Osvaldo que está falando! Aqui é o cangaceiro Osvaldo! Eu estou muito satisfeito com essa oportunidade, que é muito difícil eu vim.

Mas eu agradeço a todos e trazer a força dos cangaceiros, dos homens de justiça. Um pouco incompreendidos, um pouco injustiçados, nós fazemos a justiça mas também por um outro lado nós fomos injustiçados.

Mas não estou aqui para ficar julgando ninguém. O que fiz, fiz, agora é a hora de rever e modificar. Assim como foi dito e fico muito feliz de ter compartilhado isso com você e com todos vocês.

É esperado mesmo, meus filhos, que a gente acredite numa Justiça Divina, na Fonte que tudo sabe, na Fonte que tudo pode e assim somos filhos dessa Fonte, então tudo podemos e tudo que seja feito a nosso favor.

Acredito que possamos sermos melhores, acreditando no melhor mesmo com as tentações da vida, né? Temos muitas tentações, quando queremos muito acho que saímos um pouco do prumo.

Porque a Luz supre. As coisas aqui também nos atentam mas sabemos que nem sempre o muito do que esse mundo pode oferecer às vezes ainda nos falta alguma coisa, né?

E o que é isso que falta? Se tanto que temos ainda nos falta alguma coisa, sente um vazio no peito…
Então, acreditem que às vezes o muito que você espera que está fora, está dentro.

Essa conversa que eu demorei para entender da luz, é luz daqui, é luz dali… mas aí enxergando um pouco a tantos que eu tive oportunidade de enxergar e de ver como a luz pode tocar em você, né?

Quando a luz desperta a tua consciência, ela te supre àquilo que você busca tanto fora: uma consciência sem tantas coisas na cabeça pode te fazer feliz por tanto tempo.

Oxe! Eu fiquei… óia! Me deixou  assim… desarmado, porque eu como um cangaceiro, tu sabe, né? Levei muita arma no peito, armas nas baias e eu sei lá, trouxe tanto sofrimento com isso.

A arma maior que vocês têm, assim como já foi dito na outra oportunidade¹ que vocês prosearam: que fazer guerra com um monte de gente mas sem a tua arma talvez não dê muito certo, né não?

Vocês têm que aprender que a força de vocês é essa Luz. E ela traz tantos ensinamentos sem palavras que às vezes eu fico: Aff! Meu Deus do Céu como Tu é maravilhoso!

Tem coisas que você espera que tenha tanta informação e aí é uma palavra que resolve tudo aquilo. É um sentimento que vem que te cria uma coragem de enfrentar qualquer situação.

É quando você menos espera ou quanto mais você quer, é ali que ela está. É ali que vai acontecer para tudo chegar naquilo que você merece ser. E merece ter porque nesta vida aqui vocês têm é que prosperar mesmo.
Tem que se fazer por merecer mas vocês têm que acreditar que pode ser mais fácil.

Oxe! Tem que ser fácil! Nada disso de ficar aí angustiado, sofrendo, não! Chegue disso. Chegue, chegue, chegue, chegue.

Não faça isso mais com vocês não. Está no simples.

Eu sei que vocês devem está pensando, querem mais explicação, né? Não… consulta aí a tua Luz, o teu Espírito. Ele está esperando você perguntar. A gente vem aqui só para cutucar, só para mexer com vocês. E fala, fala, fala, fala e repete, repete, repete… Mas é isso aí.

Eu sempre obedeci: <<Vá lá! Mate aquele, mate aquele. Volte. Psss!>>

Pela nossa ideologia, era uma ideologia: <<Vamos defender o que é nosso! Nossa terra, não sei o quê.>>

Eu sei o quanto eu pago por isso. Agora o que eu quero obedecer é ao meu Espírito. É o que pode refletir a Verdade que eu quero estar, que eu quero ser e o que eu sou, que é a Luz, que é o Espírito com a sabedoria com a qual me criou.

Então, chega de sofrer! Vocês têm que começar a olhar esse corpo como a Velha² falou: como a lâmpada, a luz. Então acende essa luz aí porque a memória que vocês têm pode criar qualquer corpo que você já existiu. E, quem que faz isso? É a luz do seu Espírito.

Meu povo, que nosso Padre Cícero, nosso Senhor do Bonfim e a Mãe Santíssima possam proteger vocês sempre e muito obrigado por essa oportunidade de estar aqui.

Eu sempre vim em outros momentos e não estava para esse encontro³. Era só quando o moço tinha oportunidade com os guardiões que me davam oportunidade mas hoje eu estou aqui falando para vocês e estou muito feliz.

Deixo esse abraço, forte,  com muita luz para vocês desse que está aqui para servir na Luz à qual vocês são e eu também.

Fiquem na Luz e até uma próxima oportunidade.”

Osvaldo

Canalizado por Jeferson Roz em 21/01/16.

¹. Reunião de 15/01/16 – O Zé do Coco explicou que a ‘arma’ da guerra que nós vamos vencer é a fé, a força de acreditarmos que podemos vencer.
². Vó Benedita. Está postado com o título: “Vó Benedita – A Presença da Luz em você.”
³. Quando Jeferson canaliza os guardiões em outras ocasiões fora das reuniões.

 

Fazem parte também desta reunião os posts:
“Aivanhov – O alinhamento dos chakras.”
“Vó Benedita – A Presença da Luz em você.”

O texto de transcrição foi levemente alterado para melhor compreensão.

Transcrição e postagem Nilma Braga.

 

 

 

O Olho Divino.
Mestre Espiritual - Despertar a Verdade do Espírito.
Pai João - A intercessão da Mãezinha.
Mestre Hilarion - A Verdade tão esperada.
Liberdade - trabalhar no presente para criar o futuro.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *